TREINO MATINAL! DEVO TOMAR O PEQUENO-ALMOÇO ANTES OU DEPOIS?

 

Como tomar a decisão de treinar antes do pequeno-almoço ou depois do pequeno-almoço?

Primeiro de tudo, deve ter em conta: o tipo de treino e a regularidade do mesmo.

Para quem já tem hábito de treino de 1h ou mais (ex. corrida; máquinas de cardio no ginásio, treino de força e aeróbico, etc.) poderá treinar em jejum se, e só se, na véspera tiver feito uma refeição completa ao jantar, com especial destaque para os hidratos de carbono (ex. arroz ou batata-doce) e proteínas (carne branca ou vermelha ou peixe).

Por outro lado, se não se enquadra no perfil anteriormente descrito, deverá optar por hidratos de carbono de absorção rápida como: barras de sementes, banana com um quadrado de marmelada 30’ antes do treino.

Então e no pós-treino? O que devo fazer?

 

Se treinou em jejum,  deverá então fazer o seu pequeno-almoço com um bom reforço proteico e hidratos de carbono (HC), como os exemplos que damos em seguida:

  • Ovo mexido (1 ovo inteiro+2 claras) +1 fatia de pão+ taça de fruta (2 tipos), chá ou café;
  • Nestum de arroz + uma colher de sopa de mel e frutos secos;
  • 1 Iogurte com sementes de chia (deve deixar repousar as sementes cerca de 15’ antes de consumir), 1 gelatina e 1 banana;

Se tomou o pequeno-almoço antes de treinar, neste caso, a preocupação deverá passar por não encher demasiado o estômago e optar por alimentos de fácil digestão.

  • Poderá, ainda, dividir o seu pequeno-almoço em dois, optando por uma fonte de hidratos de carbono antes do treino (por ex. 1 banana ou 2 quadrados de chocolate preto) e uma fonte de proteína depois do treino (ex. ovo cozido ou mexido, 1 iogurte natural, 1 porção/chávena de café cheia de uma mistura de frutos secos grosseiramente partidos e sementes (amêndoa, noz, avelã, semente de girassol, abóbora, etc.).

Relembramos também que há outra condição, que se aplica a ambos os perfis: beber água ou uma bebida isotónica. Hidratar o corpo antes, durante e após o exercício físico é essencial e obrigatório!

Estes conselhos são “regras” base, claro está! Se tiver alguma patologia específica associada,  objectivo de treino em particular, objetivo de perda de peso, de entre outros, aconselhamos sempre que faça um avaliação nutricional e funcional por um profissional com experiência e habilitado a este nível.

Fale connosco, partilhe as suas questões preenchendo o nosso formulário, pois juntos encontraremos a solução à sua medida.

Live Wisely | Think Wisely | Move Wisely – Juntos na sua melhor versão.

Partilhar em

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos Relacionados

Azeite, alho, cebola, sal marinho, limão e mel

6 INGREDIENTES “MÁGICOS”

6 INGREDIENTES “MÁGICOS”   Quanto estamos de férias o mais certo é não planearmos as refeições com antecedência. E, na verdade, quantos de nós o

Ler Mais »