SUPLEMENTOS E ALIMENTAÇÃO SLOW AGING

 

Em primeiro lugar, e sem rodeios, uma alimentação anti-inflamatória e cheia de nutrientes e fitoquímicos é a base de um envelhecimento saudável (a.k.a. slow aging). Sem isso não há suplementação que tenha o seu benefício máximo.

Depois há, ainda, o açúcar, os alimentos processados e ultraprocessados, que são das substâncias alimentícias mais inflamatórias que podemos ingerir, pois desencadeiam processos oxidativos que resultam na inflamação do nosso organimo.

Há vários suplementos interessantes que se podem usar quando falamos em slow aging, e muitos estão relacionados com o tratamento da inflamação das mitocôndrias.

Alguns exemplos destes suplementos são: os fitocanabinoides, o ómega-3, a curcumina, o resveratrol, a coenzima Q10, o ácido lipóico, NAC (versão acetilada do aminoácido l-cisteína), a melatonina, a Vitamina D, o Zinco, entre outros.

 

Agora, gostaria de lhe deixar algumas questões:

  • Sabe que deveria melhorar a sua alimentação, mas sabe por onde começar?
  • Já tem uma alimentação cuidada e consciente, mas gostaria de a melhorar e otimizar?
  • Está a tomar o suplemento “x” porque os seu amigo toma e disse que era fantástico, mas não sabe se será o adequado para si no momento?

Respondeu que sim a pelo menos uma destas três questões? Então marque já a sua consulta de Saúde Funcional e Integrativa.

Conheça o atual estado funcional da sua saúde. Descubra como optimizar a sua performance ao nível do sono, alimentação, suplementação, hormonas, microbioma e desportiva, entre muitas outras.

Fábio Trigo, Terapeuta MW de Medicina Ortomolecular, Funcional e Integrativa

Live Wisely | Think Wisely | Move Wisely – Juntos na sua melhor versão

Partilhar em

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Que fome é esta? 5 perguntas que o vão ajudar a perceber se a sua fome é emocional ou fisiológica?

QUE FOME É ESTA?

QUE FOME É ESTA?   Na semana passada falámos sobre as características que diferenciam a fome fisiológica e a fome emocional. Ainda assim, numa fase

Ler Mais »
Fome ou Vontade de comer? Saiba como distinguir a fome fisiológica da fome emocional.

FOME OU VONTADE DE COMER?

FOME OU VONTADE DE COMER? Conheça as diferenças entre a fome emocional e a fome fisiológica. Conhece aquela sensação de apetite súbito que nos faz

Ler Mais »
Devo correr sozinho ou acompanhado?

CORRER SOZINHO OU ACOMPANHADO?

CORRER SOZINHO OU ACOMPANHADO?   Pois é, correr sozinho ou acompanhado? Aqui está uma questão que já passou pela cabeça de todos os corredores, que

Ler Mais »